skip to Main Content
Nota Técnica Da ACT E Organizações, Sobre Os Fatores De Risco De Câncer

Nota Técnica da ACT e organizações, sobre os fatores de risco de câncer

O Dia Nacional de Combate ao Câncer, celebrado em 27 de novembro, é uma data criada com o objetivo de levar informação sobre a doença para toda a sociedade. O câncer mata milhões de pessoas todos os anos. O Instituto Nacional do Câncer prevê 626 mil novos casos este ano no Brasil. As causas são diversas, mas sabe-se que os fatores ambientais são responsáveis por 80-85% dos casos, dos quais até a metade podem ser prevenidos, já que estão relacionados ao meio em que vivemos e hábitos de vida.

Os governos deveriam investir em prevenção, pois é mais barato prevenir do que tratar. Para cada dólar investido no enfrentamento de câncer e outras doenças crônicas não transmissíveis, pode haver um retorno de até sete dólares em termos de aumento de emprego, produtividade e longevidade, diz estudo da Organização Mundial da Saúde.

A chave da prevenção está nos principais fatores de risco, como tabagismo, consumo de álcool, alimentação inadequada e inatividade física, além da exposição ocupacional e poluição do ar. Entre as iniciativas estruturais testadas e bem sucedidas, destacam-se as medidas regulatórias e tributárias.

Confira a Nota Técnica Câncer é Possível Eliminar Fatores de Risco da ACT Promoção da Saúde, realizada em parceria com o Movimento Todos Juntos Contra o Câncer, ACBG Brasil e Ministério da Saúde, sobre os fatores de risco do câncer.

 

Back To Top